quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

MAIS UMA VÍTIMA DO SUPOSTO ESTUPRADOR QUE VEM ATERRORIZANDO ITAITUBA

imagem ilustrativa

Mesmo com quase dez dias depois do ocorrido, o jovem marido da vítima de estupro ainda lembra dos momentos de angústia sofridos pela mulher. Foi em uma noite qualquer e todos estavam em casa reunidos quando o desconhecido chegou. Um homem de pele escura, estatura mediana e que falava calmamente. Ninguém viu arma, mas o jeito do indivíduo dava a impressão de que ele portava um revólver. Foi quando tudo aconteceu.


Presas no banheiro e no quarto, as outras pessoas na casa ficaram sem condições de reagir, enquanto o estupro acontecia. A moça lembra do crime de que foi vítima e não consegue segurar as lágrimas.

A menina tem apenas dezessete anos; é natural da cidade de Trairão e está em Itaituba há pouco tempo. Ela trabalha como doméstica na casa do radialista Diego Mota, que ficou revoltado com o crime, uma prática que vem espalhando o medo entre as mulheres da cidade. Del Mota decidiu, então, mobilizar a imprensa entrando em contato com a API, através do presidente da entidade, jornalista Diego Mota.


Um comentário:

  1. Esse elemento deve ter superpoderes, não é possível porque de todos os casos que foram atribuídos a ele até agora policia não conseguiu pegá-lo. Tem verdade, mas tem muita coisa fantasiosa já que para a população esse estuprador já está virando uma personagem, isto sem falar nos suspeitos presos enganados...

    ResponderExcluir