segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Crime passional – Professora assassinada pelo próprio marido

O bárbaro crime aconteceu na madrugada de domingo para segunda-feira, dia 18, no município de Rurópolis, que fica na divisa das rodovias Santarém-Cuiabá e Transamazônica, distante 217 km da cidade de Santarém, na região Oeste do Pará.


Ana Cláudia Ferreira, de 34 anos, recebeu 5 tiros no tórax. 
A vítima foi a professora Ana Cláudia Ferreira, de 34 anos de idade, que foi assassinada com 5 tiros no tórax, desferidos pelo próprio esposo de nome Franklin de Oliveira Imbiriba, de 43 anos de idade. O crime aconteceu na Avenida Getúlio Vargas, casa 265, no centro da cidade de Rurópolis.



Segundo informações passadas pela Polícia, o acusado teria praticado o crime por ciúmes de sua esposa e decidiu matá-la. Logo após cometer o crime, tentou contra sua própria vida, efetuando um disparo de revólver na própria cabeça. A Polícia de Rurópolis entrou em ação e conseguiu deter ainda no local do crime o acusado que foi socorrido e levado para o Pronto Socorro Municipal de Rurópolis. Como seu estado de saúde agravou-se foi transferido para o Hospital Municipal de Santarém, onde encontra-se internado.

Franklin Imbiriba tentou o suicídio, após matar sua esposa
A Transferência foi feita em uma ambulância do Pronto Socorro de Rurópolis com o apoio da Polícia Militar. No Pronto Socorro de Santarém o criminoso ficou em uma maca até ser transferido para o setor de emergência.

A Polícia Civil de Rurópolis informou que tão logo Franklin de Oliveira Imbiriba receba alta do Hospital será levado para a delegacia de Rurópolis, onde prestará depoimento e vai responder pelo crime que cometeu. De acordo com informação vinda de Rurópolis, o criminoso exerce a função de vigilante e presta serviço no prédio do INCRA naquele Município.


Fonte: RG 15/O Impacto e Elias Junior

Nenhum comentário:

Postar um comentário