terça-feira, 18 de junho de 2013

PMDB expulsa Vereadora de Rurópolis

Em uma sessão realizada na segunda-feira, na Câmara Municipal de Rurópolis, a vereadora Flora Maria Variane foi expulsa das fileiras do PMDB de Rurópolis e consequentemente do quadro Nacional de Filiados.

Por unanimidade a Comissão de Ética do Partido em Rurópolis aprovou o Relatório do relator José Mário de Barros que pediu a expulsão da filiada por “infidelidade partidária”. Logo após a decisão da Comissão de Ética, foi a vez da Comissão Provisória Municipal se manifestar, um a um os membros foram chamados a anunciarem seus votos, todos seguiram o relator pela expulsão da filiada. Coube ao Presidente da Comissão Provisória, Denival Aleixo (Bau), dar o veredicto.


Após votar a favor da expulsão, Denival Aleixo em alto e bom som disse: “NESTE MOMENTO EXPULSO A FILIADA FLORA MARIA VARIANE do PMDB”. A Sessão da Câmara que serviu para deliberar sobre o pedido de expulsão de Flora Maria Variane, eleita pelo PMDB, contou com a presença de muitos filiados e populares ligados a política local, além de advogado de defesa de Flora que pediu a nulidade do processo de cassação. Agora, os membros do PMDB de Rurópolis vão entrar na Justiça Eleitoral requerendo o mandato, que por Lei, pertence ao partido. Neste caso, Flora Maria Variane deve perder seu mandato de Vereadora e em seu lugar assumirá o primeiro suplente do PMDB.

Fonte: RG 15/O Impacto e Elias Junior

Nenhum comentário:

Postar um comentário