quinta-feira, 18 de abril de 2013

Celpa deixou usuários 102 horas sem energia em 2012



Segundo ANEEL, Celpa prestou o pior serviço Pará - Um levantamento da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) apontou que a concessionária de energia elétrica Celpa, responsável pela distruibuição em todo o estado do Pará, foi a empresa que deixou por mais tempo sem luz os usuários em 2012: uma média de 102 horas por ano, o que seria equivalente a ficar cinco dias no escuro. O limite estabelecido pela Aneel na região metropolitana de Belém é de no máximo 30 horas de interrupção de energia por domicílio ao ano.

Com o total de 102 horas de interrupção contabilizadas no ano passado, a Celpa ficou três vezes acima do permitido pela agência reguladora.


A Celpa reconhece a falha e diz que além da capital paraense, a situação é mais crítica em cidades como Santarém, Parauapebas e Altamira, após o início das obras de Belo Monte. Segundo o diretor de distribuição da empresa, a Celpa deve investir cerca de 700 milhões de reais nos próximos dois anos para tentar minimizar a situação.

"Investimentos no sistema elétrico, melhorias no sistema elétrico são importantes para garantir a qualidade do fornecimento e tirar a Celpa dessa situação incômoda. Nós, paraenses, não podemos nos conformar com um resultado tão adverso. Esse é o desafio", afirma o diretor de distribuição da empresa, Sérvio Túlio.

Ainda segundo a Celpa, a retomada do projeto "Luz para Todos" no interior do estado deve ajudar a reduzir as quedas de energia no Pará.
Fonte: G1 PA

Nenhum comentário:

Postar um comentário