sábado, 9 de fevereiro de 2013

Ex-fugitivo morre em confronto com a polícia


A informação repassada por um policial do Serviço Reservado da Policia Militar (CPR-X) dava conta de que Leandro Silva Reis, que havia fugido da Seccional Urbana de Itaituba há pouco mais de uma semana, reagiu ao cerco policial e foi alvejado a tiros. O homem de 29 anos foi socorrido e levado para o setor de urgência e emergência do Hospital Municipal de Itaituba (HMI), mas não resistiu e morreu após ser submetido a intervenção cirúrgica. O corpo de Leandro foi levado na madrugada para o necrotério do HMI, onde aguarda remoção do serviço funerário.

A reportagem do Blog esteve logo cedo no necrotério, onde o rapaz foi identificado por algumas pessoas graças às várias tatuagens espalhadas pelo seu corpo. Inclusive, em uma delas, aparece o nome da avó de Leandro e uma outra, no braço esquerdo, pode ser uma homenagem a alguém muito querido na família.

Pregresso - Leandro Silva Reis teve várias passagens pelos registros policiais pela prática de assalto à mão armada, roubo, furto e tráfico de drogas. Leandro foi preso no final da semana retrasada, quando foi flagrado por uma guarnição da PM com 43 'petecas' de crack. Ele chegou a conversar com a reportagem do programa jornalístico Focalizando, do SBT de Itaituba, ocasião em que alegou ser inocente e apenas 'uma vítima do vício'. "Esse troço aí era pro meu consumo. Eu não sou traficante", disse Leandro. Ao ser indagado se, de fato, seria capaz de consumir todo aquele material em apenas uma noite, o usuário respondeu que "sim, claro. Eu fumo até quinhentas se tiver".

Foi na madrugada de uma quinta-feira que Leandro, acompanhado de dois outros indivíduos, Clealberth Dutra Guimarães e um outro cujo nome não foi revelado, conseguiu serrar duas barras do portão da cela temporária da Seccional, por onde o grupo fugiu.

Nos últimos dias, o Serviço Reservado da PM tem se empenhado em localizar os fugitivos. Já na tarde desta sexta-feira (08), uma informação deu conta de que Leandro Silva Reis estaria às proximidades do Curral Redondo, estrada Transbarreiras, a cerca de 10 quilômetros do centro de Itaituba. Uma rápida operação ao comando do tenente Almir Castro foi montada e o elemento foi localizado, ocasião em que reagiu e trocou tiros com a polícia. O meliante não teve sorte e foi baleado. Socorrido pelos próprios policiais e, em seguida, por ambulâncias do Samu e Corpo de Bombeiros, Leandro foi conduzido para o HMI.
(Mauro Torres)

Nenhum comentário:

Postar um comentário